Atlético-MG, Vasco, Volta Redonda e mais um: mistérios e curiosidades de 10% dos direitos de Marrony

21/10/2020 | SV na mídia

As punições do tipo não são claras – pode ir de devolução de valores até suspensão de contratações -, mas a possibilidade de punição é clara, sim. Pedro Henrique Zaithammer, do escritório Suttile e Vaciski Advogados Associados, ouvido pelo LANCE!, entende desta forma:

– É importante ressaltar que, de acordo com o regulamento da Fifa, artigo 18Ter, desde 2015 está proibido que terceiros tenham participação em direitos econômicos dos jogadores. Em 2019, tivemos uma alteração permitindo que atletas tenham participação em direitos econômicos, mas terceiros que não sejam clubes não podem ter – alertou.

Veja a notícia completa no link abaixo.

Atlético-MG, Vasco, Volta Redonda e mais um: mistérios e curiosidades de 10% dos direitos de Marrony


Seja o primeiro a comentar.

Adoraria ler seu comentário aqui!

Responderei assim que possível.


ATUAÇÃO NACIONAL

Para garantir o melhor acompanhamento das demandas de nossos clientes, contamos com unidades em Curitiba, São Paulo, Belo Horizonte, Rio de Janeiro e Brasília.

São Paulo

Rua Domingos de Morais, 2187 – Torre Paris Sala 215

11 3116-8989

Curitiba

Rua da Visconde do Rio Branco, 1322, 8º anda – Centro

41 3015-7775

Belo Horizonte

Rua Timbiras, 2.788, Sala 1.002 – Barro Preto

31 3309-5262

Rio de Janeiro

Av Rio Branco, nº 181, 3401- Centro

21 2221-2379

Brasília

SHN Qd. 02 Bl. F, salas 618/619 – Asa Norte

61 3248-6455


Gols pela Vida

Nós apoiamos o projeto Gols pela Vida desde 2012.